A Abacafé (Associação dos Cafeicultores do Oeste da Bahia) trabalha os interesses coletivos dos cafeicultores do Oeste da Bahia, em especial do seu grupo de associados. Situada em Luis Eduardo Magalhães/BA, atua em todos os municípios da região do cerrado da Bahia.

Visando uma nova matriz promocional e uma nova forma de organização dos envolvidos com a cafeicultura regional, a Abacafé está construindo o processo de Indicação Geográfica do Café da região Oeste da Bahia. Para isso, contou com um extensivo trabalho de uma das mais renomadas escolas de negócios do mundo, a Fundação Dom Cabral. Na sequência, através do apoio do Ministério da Agricultura (Convênio 755097/2010) para a construção do projeto, foi possível os primeiros e decisivos passos para esta nova fase. Em 2012, o processo entrará na fase decisiva, com aprovações finais e encaminhamento ao INPI, uma vez que os trabalhos estão em fase avançada.

Para um bom café, alguns desafios tecnológicos precisam ser superados e uma excelente alternativa para esta questão vem sendo trabalhada através de visitas mensais nas propriedades dos associados, para trocas de experiências. Estes momentos permitem um significativo intercâmbio tecnológico e social entre os cafeicultores associados e seus colaboradores, atingindo um dos objetivos da Abacafé que é a união dos envolvidos.

Nesta caminhada para melhorias de processos, a capacitação das equipes de colaboradores tem sido fundamental. Para tal, o SENAR (via Sindicato Rural de Luis Eduardo Magalhães) e empresas parceiras têm possibilitado importantes treinamentos, como de operação de diferentes tipos de máquinas e qualificação dos envolvidos em processos pós-colheita, entre outras linhas de capacitações.

Por outro lado, não basta produzir com menores custos e melhor qualidade, se não houver acesso ao mercado. Para isso, a Abacafé vem participando de agendas com diversos compradores de café para a região, em especial exportadores e importadores. Melhorar a liquidez do café é um desafio que está sendo trabalhado e a Cooproeste e Grão do Cerrado têm sido importantes parceiros neste processo.

Neste trabalho de promoção da cafeicultura regional, constantes trabalhos junto a mídia e a comunidade vêm sendo desenvolvidos, no intuito de apresentar o que de importante acontece no segmento regional. Com cerca de 15 mil hectares de café, a região Oeste tem sua particularidade no cenário nacional e, portanto, merece ser comunicado seu destaque.

Estas ações têm sido base para o fortalecimento da cafeicultura do Oeste da Bahia, as quais visam a inovação e redução de custos, aliadas a integração social dos envolvidos. Maximizar a geração de valores pela união do setor, através de uma estrutura de governança corporativa é o propósito da Abacafé.

Nova diretoria da Abacafé 2017/2019:

novadiretoria_abacafe

Presidente Executivo: José de Oliveira do Espírito Santo

Vice-Presidente: Jeferson Bordin

Secretário: Glauber de Castro

2º Secretária: Zirlene Pinheiro

Tesoureiro: Marcos Antonio de Alvarenga

2º Tesoureiro: Claudio Marçal

Conselho Fiscal titulares:

Pimenta Menezes

Augusto Marmo Morales Blanco Filho

Antônio Guerreiro

Suplentes do Conselho:

Ronaldo Henrique Da Silva

Dhone Dognani,

Wagner Ferreira Dos Santos